"Então, comeu kibe cru e sentiu a vida nascer. Desse dia em diante tomou gosto pela vida e só passou a comer..." (Trio Mocotó)



quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Melancia ao alvo

caco modula

Essa é uma notícia que vai mudar a sua vida para sempre: começou nesta quinta, na Austrália, o Festival da Melancia. Os participantes usam a casca da fruta como esqui e quem chegar mais longe ganha. Ganha também quem cuspir a semente da melancia mais longe. Outra disputa é para ver quem consegue esmagar o maior número de melancias com a cabeça. Estranho? Pode ser, mas já é tradição na pequena cidade de Chinchilla. (aqui)

Por aqui, poderíamos lançar uma versão adaptada do Festival. Que tal colocarmos meia dúzia de políticos, daqueles bem mais ou menos, um do lado do outro. Aí, a gente junta uns 300 mil habitantes (rá!) e faz a prova de melancia ao alvo. Quem derrubar o maior número de bandidos, cachorros, ladrões alvos em menor tempo, ganha.

Ah, depois que eles estiverem no chão, a gente pode manter a prova do cuspe de semente, só para não sair do espírito do Festival da Melancia de Chinchilla.

Tá... Acho melhor não incentivar a violência, mas eu ia achar demás!

Começa assim, depois piora!

Por hoje é só.

Um comentário:

Amanda disse...

Rá...e dai as gravidas poderiam se vestir de mulher melancia e desfilar durante o evento, ou então entregar o troféu melancia no pescoço para os mais saidinhos...
tô dentro!