"Então, comeu kibe cru e sentiu a vida nascer. Desse dia em diante tomou gosto pela vida e só passou a comer..." (Trio Mocotó)



quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

De que lado você está?

leda nius

Tem um ditado popular que diz: “depois da tempestade vem a bonança”. Já pensou sobre qual é a sua tempestade? Diante de tantos acontecimentos no mundo é comum que a gente analise a nossa vida, algumas vezes fazendo comparações. Afinal, por pior que seja ou esteja sua situação, provavelmente você tem onde morar... enfim, este é só um exemplo.

Conforme as catástrofes naturais vão acontecendo cada vez mais próximas de nós, as reações também mudam. Uma tragédia com o porte dessas que aconteceu em Santa Catarina faz aflorar no ser humano os sentimentos mais nobres e os seus instintos mais primitivos.

É triste ver ainda na TV, jornais, internet, imagens, notícias de todo o tipo: morros que cederam, pessoas que morreram soterradas, casas destruídas, gente desaparecida, desesperança, pessoas que perderam tudo e tantas outras que se aproveitaram desse momento de sofrimento e dor de alguns para saquearem, se aproveitarem.

Em contrapartida é emocionante ver a ajuda vindo de todos os lados, voluntários que trabalham incansavelmente por uma causa que tomaram como sua, doações de pessoas que se compadecem da dor do outro e sentem a necessidade de fazer algo.

E um exemplo que nos prova que a pior desgraça não é perder tudo que se tem, mas deixar de ter a única coisa que não se pode perder, a esperança: vemos homens, mulheres que mesmo sendo vítimas do problema em Santa Catarina, tendo perdido suas casas, familiares ou algo assim, ainda têm forças para arregaçar as mangas e recomeçar, ajudando primeiro os outros e certamente fazendo o bem a si mesmo.

Tudo isso nos deixa uma lição muito grande. Responda a pergunta: de que lado você está? Independentemente do problema é sempre a gente escolhe!

3 comentários:

Heloísa disse...

Gostei muito do texto, barrigudinha!
Foi muito feliz em suas colocações. A solidariedade é algo intrínseco ao ser humano, mas só nos damos conta quando acontecem catástrofes como essa aqui em SC...porque aí percebemos o quanto somos insignificantes!!
Eu não perdi ninguém conhecido, mas tenho amigos que perderam absolutamente TUDO o que tinham! Graças a Deus estão vivos...É sempre um choque quando essas coisas acontecem ao nosso lado, com nossos amigos. É triste!
Espero que isso tenha trazido alguma lição a algumas pessoas! Principalmente as pessoas que defendiam a idéia de que "O SUL É MEU PAÍS"...Já imaginou, o que seria de SC se não fosse o sudeste, o nordeste...enfim, o restante do Brasil inteiro, se solidarizando com a situação deles!?
De que lado vc está agora????

Um abraço.
E aqui...vamos reconstruir!

Anônimo disse...

Como diz meu amigo Fred 04
É o terrorismo da natureza
É programático
É estratégico
A natureza é terrorista
É a estratégia de deus
Os inocentes pagam
Por nada representarem
Por serem destituídos
Por nada deixarem
Por serem sem nome, sem destino
Pelo crime de não fazerem falta
Deus é o terror
É o terror dos inocentes
A cegueira do terrorista é o terror
É a cegueira de deus

Jordana disse...

Amandex! Parabéns pelo texto!
A catástrofe foi lamentável, mas ver a solidariedade dos brasileiros dá ânimo para as pessoas que perderam tudo e nem sabem direito como recomeçar.
Bjs