"Então, comeu kibe cru e sentiu a vida nascer. Desse dia em diante tomou gosto pela vida e só passou a comer..." (Trio Mocotó)



sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Sim! Existe salvação

adalberto mirinda

Ontem, minha mãe, meu pai e eu fizemos uma geral nos nossos guarda-roupas, a fim de juntar tudo e doar para alguma família vítima das enchentes em Santa Catarina.
Camisetas que eu adorava, mas que não usava mais, foram todas para a mala. Tem pessoas que precisam muito mais que eu. (Depois disso, ainda doei sangue em frente ao Avenida Center. Ah, que orgulhoso estou de mim mesmo!)

Meu pai levou a mala ao Corpo de Bombeiros e presenciou uma cena que o deixou emocionado: vários voluntários ajudando a colocar as várias sacolas de mantimentos nos caminhões que iriam direto para SC. Bonito isso. E eu sempre achei que o ser humano não tinha mais salvação.

O Brasil sempre foi um país presente em todos os desastres naturais do mundo, seja em ajuda com mantimentos, seja com envio de tropas do exército. Isso é fato. O Brasil ajudou Nova Orleans depois da passagem do furacão; ajudou a Indonésia depois do tsunami; ajuda o Haiti e, se duvidar, ajuda até Gotham City na luta contra o crime. Ajuda Patópolis também.

E agora eu te pergunto, querido(a) leitor(a), cadê a ajuda internacional?
É certo que, para que essa ajuda aconteça, o Itamaraty tem de pedir. Nenhum país vai enviar seus aviões para cá cheios de mantimentos, e nem pode uma coisa dessas.

Então, termino aqui meu pensamento, roubando do senador Mão Santa (PMDB-PI), a sua famosa frase: "E agora, Luis Inácio? Tem que fazer alguma coisa!"

OBS: Sim, eu assisto TV Senado.

6 comentários:

Anônimo disse...

só falta o brasil se unir pra mudar alguns problemas politicos, economicos e sociais... força o povo tem, vontade o povo tem... o q falta pra essa ajuda???

Pedro Senandes Simon disse...

Na verdade quem deixa a desejar não são as leis. Pelo menos na minha opinião, quem deixa a desejar são os aplicadores da lei. O Judiciário é muito lento, e não por culpa apenas dos juízes.

O que falta é aplicar as leis que estão aí. É como a lei seca. De quê adianta não permitir nada se a polícia não tem bafômetro pra medir? e quando tem a pessoa não percisa fazer o teste... É assim, as leis são boas, o que falta é elas serem aplicadas e fiscalizadas.

Pedro Senandes Simon disse...

ops, aconteceu algum erro aí em cima. Considerem apenas a primeira frase...

=^.^= Dois em um=^.^-= disse...

Eu concordo com o Pedro... mas nem todas as leis são boas. Na verdade bom mesmo (e por vezes meio bobo0 é o povo brasileiro - ah, e o Adalberto - eita menino bom!

VANDRÉ FERNANDO disse...

Não sei como fazer, mas todos os colegas Blogueiros poderiam fazer uma BLOGAGEM COLETIVA focada em orientar a população para ajudar corretamente nossos irmãos Catarinenses.

Pedro Senandes Simon disse...

Muito boa idea! É claro que toda ajuda é bem vinda, mas podemos ver pessos doando eladeira, móveis que não usam mais etc, mas o que eles precisam agora é comida, água e produtos de limpeza. Mandar uma geladeira, como vi na TV, por enquanto, só vai aapalhar...